Mind & Fitness

10 Tips For New Gym Members

(for the english version, please scroll down)

tumblr_o3qr8cWqa81snbrkko1_500

(via Pinterest)

Quando entramos num ginásio pela primeira vez, tudo é novo, entusiasmante e as possibilidades são infinitas! Há também alguma apreensão e nervosismo…

Por essa razão trago-te as minhas 10 dicas para enfrentares o primeiro dia com a melhor atitude possível!

When we enter a gym for the first time, everything is new, exciting and the possibilities are endless! There is also some apprehension and nervousness …

For this reason I bring you my 10 tips to battle the first day with the best possible attitude!

1.Não tenhas medo

Para quem se inscreve no ginásio, especialmente se é pela primeira vez na vida, é normal que exista alguma preocupação acerca do que esperar. Desde as expectativas que crias para ti até ao ambiente que se vive no ginásio, é fácil adiar os treinos.

No entanto, tens que lembrar-te que toda a gente que vês no ginásio, dos mais variados tamanhos e formatos, já passou pelo mesmo. Todos tivemos de entrar na sala de treinos pela primeira vez e decidir naquele momento quais os objetivos que queríamos alcançar.

O meu conselho é que não desistas antes de começares, não adies mais a primeira visita ao ginásio e não deixes que o medo te invada, porque vai ser mais difícil de erradicar do que a gordura!

1.Do not be afraid

For those who sign up at the gym, especially if it’s the first time, it is normal that there is some concern about what to expect. From the expectations that you create for yourself to the environment that you feel in the gym, it’s easy to put off workouts.

However, you have to remind yourself that everybody you see in the gym, of various sizes and shapes, has been there. We all had to enter the training room for the first time and decide at that time what goals we wanted to achieve.

My advice is to not give up before you start, no more putting off the first visit to the gym and do not let the fear invade you, because it will be more difficult to eradicate than fat!

 

2.Pergunta aos personal trainers

Pergunta, pergunta, pergunta. É para isso que os personal trainers lá estão, para te ajudarem com as tuas dúvidas, plano de treinos e aconselhar-te sobre os melhores exercícios e posturas.

Se tentares fazer tudo por ti só, és capaz de te lesionar e adiar mais uma vez os teus planos! Não vale a pena, eles já ouviram de tudo e de certeza que têm a melhor resposta para ti.

2. Ask the personal trainers

Ask, ask, ask. That’s why personal trainers are there, to help you with your doubts, training plan and advise you on the best exercises and postures.

If you try to do everything yourself, you might end up with an injury and again postpone your plans! It’s not worth it, they have heard everything and I’m sure they have the best answer for you.

 

3. Observa o ambiente e as pessoas

Quando começas a frequentar o ginásio com alguma frequência começas a dar por ti a observar as pessoas e a compreender o ambiente do ginásio (ou então é só a psicóloga em mim a falar :p ).

O que acontece é que podes dar por ti a “copiar” alguns movimentos interessantes de que nunca te tinhas lembrado e que passam a constar do teu reportório de exercícios.

Percebes também quando são as alturas do dia mais requisitadas e em que momentos podes treinar mais à vontade. Depois tudo depende de ti e do que se adapta melhor à tua personalidade; pessoalmente gosto de uma mistura, ou seja, há dias em que simplesmente quero treinar sozinha, ter acesso a todas as máquinas e equipamentos sem ter de esperar e há outros em que necessito daquele ambiente de alta energia que as outras pessoas transmitem quando treinam e que me motivam a dar aquele bocadinho extra.

3. Observe the environment and the people

When you start attending the gym quite often you start to observe people and understand the environment in the gym (or is it just me, the psychologist :p).

What happens it that you find yourself “copying” some interesting moves that otherwise you would never have imagined and that are now a part of your repertoire.

You also begin to comprehend the most requested hours of the day and at what times you can train more comfortably. Then, you can decide for yourself, it all depends on you and what fits best your personality; personally I like a mixture, meaning, there are days when I just want to train alone, have access to all machines and equipment without having to wait and there are others times when I need that high-energy environment that other people transmit when training and that motivates me to give that little bit extra.

 

4.Estabelece “amizades de ginásio”

Agora que já tens uma frequência estabelecida e começaste a criar hábitos de treino, vais perceber que te cruzas com as mesmas pessoas diariamente e algumas dessas pessoas parecem ter coisas em comum contigo.

O que importa perceber é que talvez estabeleças estas tais “amizades de ginásio” em que basicamente convives com estas pessoas durante o treino mas não sabes propriamente muito sobre elas a não ser o nome e os hábitos de treino e é praticamente disso que falam enquanto te ajuda com a barra :p

Não desfazendo, é sempre importante ter alguém com quem nos identifiquemos, quanto mais não seja naqueles dias em que não temos muita vontade de treinar!

4. Establishes “gym friendships”

Now that you already have an established routine and are beginning to create training habits, you will realize that you see the same people every day and some of these people seem to have things in common with you.

What is important to understand is that you are able to establish these “gym friendships”, meaning you hang with these people during training but don’t know much about them except their name and training habits and that’s pretty much all you talk about as you help them with the bar :p

Nevertheless it is always important to have someone to whom we identify with, at least on those days when we don’t feel like training!

 

5. Cumpre o plano que te foi dado

Se estás a começar e ainda não tens muita “bagagem” no que toca ao tema do exercício, é importante que te foques no plano de treino que é providenciado pelo teu ginásio ou pelo teu personal trainer; num momento inicial vai ajudar-te a compreender os exercícios, a postura, as séries e repetições e outras questões.

Com o tempo começas a ter mais facilidade em executar os exercícios e começas a compreender de quais gostas mais e os que surtem mais efeitos (muitas vezes são aqueles de que não gostamos nada!).

Depois deixas-te levar pela imaginação e crias os teus próprios planos, mas ATENÇÃO, com muita pesquisa por trás e tirando sempre as dúvidas que tiveres.

5. Carry out the plan that was given to you

If you are just starting out and don’t have a lot of “baggage” when it comes to exercise, it is important that you focus on the training plan that is provided by your gym or your personal trainer; at an early stage it will help you understand the exercises, posture, the sets and reps and other questions.

Over time you begin to find it easier to perform the exercises and begin to understand what you like best and which exercises bear more effects (spoiler: it’s the ones we don’t like!).

After a while, you let your imagination run free and create your own plans, but BE CAREFUL, with much research behind it and always asking the questions you want to see answered. 

item812557_600px

(via Pinterest)

6. Se o teu ginásio não fornece plano, pesquisa

Pode acontecer que o teu ginásio não te proporcione uma avaliação e um plano de treino. Neste caso, vais ter de fazer muita pesquisa, muita mesmo.

Esta pesquisa vai ajudar-te a compreender quais as tendências e as várias formas de treinar que existem e de que maneira podes incorporá-las no teu treino de forma a ficar equilibrado e abranger todos os grupos musculares – não só os que queres ver mais definidos!

Com o tempo vais perceber melhor o teu corpo e o que funciona melhor e vais adaptar o teu treino a esses mesmos objetivos.

6. If your gym does not provide you with a plan, research

It may happen that your gym does not offer you an assessment and a training plan. In this case, you’ll have to do a lot of research, a lot of it.

This research will help you understand what the trends are at the moment and the various forms of training that exist and how you can incorporate them into your workout in order to stay balanced and cover all muscle groups – not only those you want to see more defined!

Over time you will better understand your body and what works best and you’ll adapt your training to these same goals.

 

7. Não tenhas receio de usar as máquinas e equipamentos

Já todos ficámos a olhar para uma certa máquina a pensar que tipo de tortura é que inflige de tão complicada parece ser! Portanto, não és o primeiro/a.

Aqui, aplica-se a mesma regra, pergunta e pesquisa e não te esqueças de experimentar tudo e perceber quais são as que se adaptam melhor a ti e aos teus objetivos. Algumas máquinas são mais frequentadas, por isso o melhor é usares o ponto 3 para saberes quando é a melhor altura para usar aquela máquina específica.

De forma a evitares lesões, começa com um peso leve e quando te sentires mais forte e quiseres puxar mais por ti, arrisca e aumenta!

7. Do not be afraid to use the machines and equipment

At some point, we all stared at a certain machine and think what kind of torture does it inflicts, so complicated it seems to be! Therefore, you are not the first.

Here the same rule applies, question and research and do not forget to try everything and see which ones are best suited to you and your goals. Some machines are more frequented, so it is best you use the point 3 to find out when is the best time to use that machine.

In order to avoid injuries, begin with a lighter weight and when you’re feeling stronger and want to push yourself, take a risk and increase that weight!

 

8. Ou de fazer aulas de grupo cheias de gente

Pode ser intimidante fazer uma aula de grupo em que as pessoas já se conhecem porque se encontram naquela determinada aula àquela determinada hora todas as semanas e já estão num determinado nível (ao qual tu também vais chegar!)

O melhor que tens a fazer é entrar na sala e fazer a aula, focando-te em ti, no teu corpo, na tua mente e no que o instrutor pede para fazeres. Como em tudo na vida, não vale a pena comparares-te aos outros.

Ok, é mais fácil dizer do que fazer… então arrisca e coloca o teu colchão na frente da sala, assim não consegues ver o que estão a fazer atrás de ti!

8. Or to do a full group class

It can be intimidating to do a group class where people know each other because they are in that particular class at that particular time every week and are already at a certain level (you’ll also get there!)

The best thing you can do is to enter the room and do the lesson, focusing on you, your body, your mind and what the instructor asks of you. As with everything in life, it is not worth to compare yourself to others.

Okay, it’s easier said than done … so take a risk and put your mat in front of the class, so you can’t see what others are doing behind you!

 

9. Pesquisa, pesquisa, pesquisa

A pesquisa deve ser um dos pontos fortes do teu treino quando não estás no ginásio – a par da alimentação, suplementação e recuperação.

Uma boa planificação do teu treino diário permite-te chegar, treinar, sair e recuperar sem estares a perder tempo com conversas, a decidir no momento o que vais fazer ou simplesmente a passeares pelo ginásio.

Um plano estruturado vai fazer com que sejas o mais eficaz e eficiente possível (sim, eficiente porque estudaste as posturas e os exercícios e não estás a inventar no momento).

No que toca a ferramentas de pesquisa, há milhares de opções disponíveis atualmente; se quiseres saber mais sobre isso deixa-me um comentário!

9. Research, research, research

Research should be one of the main focal points of your workout when you’re not in the gym – along with food, supplementation and recovery.

A good planning of your daily workout allows you to arrive, train, get out of the gym and recover without wasting time talking, deciding at the time what you’re doing or just strolling around the gym.

A structured plan will cause you to be more effective and efficient as possible (rather efficient because you studied the postures and exercises and you’re not making it up at the time).

As search tools go, there are thousands of options currently available; if you want to know more about it leave me a comment!

 

10. Mistura-te e confia!

O melhor truque quando ainda não te sentes à vontade num ambiente novo é o velho ‘fake it until you make it’.

Confia em ti, porque és capaz disso e entra confiante e entusiasmado/a com as possibilidades que o ginásio te reserva.

Queixo levantado e peito para fora e ninguém vai desconfiar que é o teu primeiro dia!

10. Blend in and trust yourself!

The best trick when you don’t feel comfortable in a new environment is the old “fake it until you make it ‘.

Trust in yourself, because you are capable; and get excited with all the possibilities that the gym has for you.
Chin up and chest out and no one will suspect it’s your first day!

 

Dica extra:

Para além do teu espírito vencedor, existem algumas coisas que te vão facilitar a vida nos primeiros dias:

  • Uma garrafa de água – recomendo comprares uma de plástico resistente (atenção aos BPA’s e flalatos) que possas usar só para o ginásio e que deixes no teu saco.
  • Uma toalha – normalmente os ginásios pedem de antemão por questões de higiene.
  • Equipamento confortável, que permita uma boa mobilidade e flexibilidade!
  • Os ténis são um investimento que terás de fazer ao comprometeres-te com o ginásio mas para uma primeira visita, tem só em atenção um bom acondicionamento do pé.
  • Um snack pós-treino para que depois de todo aquele trabalho e suor, não te comprometas na cozinha.

Bonus tip:

In addition to your winning spirit, there are some things that you will make life easier in the early days:

  • A bottle of water – I recommend purchasing a sturdy plastic (keep an eye out for BPA’s and phthalates) that you can use only at the gym and leave in your bag.
  • A towel – usually gyms ask beforehand for hygiene reasons.
  • Comfortable equipment, allowing good mobility and flexibility!
  • The tennis shoes are an investment that you have to do when you commit to the gym but for a first visit, have only in mind a good cushioning.
  • A post-workout snack because after all that work and sweat, you don’t want to compromise in the kitchen.

item812560_600px.png

(via Pinterest)

 

Espero que estas dicas tenham sido úteis para ti no teu primeiro dia. Conta-me a tua experiência nos comentários!

I hope these tips have been helpful to you on your first day. Tell me about your experience in the comments!

 

https://www.instagram.com/focusonblurry/

Signature line

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s